Workshop: Mergulho do corpo – danças urgentes

// Mergulho do corpo – danças urgentes //

foto korina 3

Prática de movimento e improviso cênico com Korina Kordova. Um convite à pesquisa de perspectivas, estratégias e potenciais corporais. A oficina é dirigida a bailarinos, atores, performers e a estudantes de dança, teatro e performance.

A partir de uma preparação corporal baseada em elementos de dança contemporânea e yoga, com ênfase nos sistemas respiratório e esquelético, vamos buscar uma plurisensorialidade. Seguiremos explorando ferramentas de improvisação e estratégias de composição instantânea, experimentando diferentes texturas corporais e ignições de movimento. No módulo ‘danças urgentes’, trabalharemos os conceitos de ruptura, deslocamento e transformação em situações de solo e grupo, onde os participantes serão encorajados a buscar uma dança idiossincrática.

02 e 03 de setembro/2017 (sábado e domingo)

das 14:30 às 18:30 (8 horas no total)

Investimento: R$140,00

 

// Korina Kordova //

foto korina 1

Korina Kordova é bailarina, performer e coreógrafa. Seus trabalhos autorais foram apresentados no Brasil, na Polônia, na Alemanha e na República Checa em eventos como o Tanztage 2013 (Berlim) e a Prague Quadrennial of Performance Design and Space (2015). Viveu na Holanda e na Polônia entre 2002 e 2016. É co-fundadora do ‘Center in Motion’ – associação de coreógrafos independentes em Varsóvia (PL). Em 2012 criou o coletivo artístico Flesh System com o coreógrafo Przemek Kamiński. Flesh System atua no abismo entre São Paulo, Berlim e Varsóvia. É autora dos trabalhos ‘after sinuous curves’ (2016), ‘#abyss.foodpossession’ (2015), ‘#abyss.witchroulette’ (2013), ‘on 8th boulevard. right after sinuous curves’ (2013) e ‘Borderline’ (2010), entre outros. Como bailarina/ performer trabalhou com as companhias Silesian Dance Theatre (Polônia), Kokoro Dance (Canadá), BalletMet (Estados Unidos), Samovarteateret (Noruega), Dance Theatre Zawirowania (Polônia) e Via negativa (Eslovênia). Colaborou com os coreógrafos Isabelle Schad (Alemanha), Idan Cohen (Israel), Jacek Łumiński (Polônia), Marta Ziółek (Polônia), Anna Piotrowska (Polônia), Farid Fairuz (Romênia) e Kuik Swee Boon (Cingapura), entre outros. Apresentou-se em diversos países como Holanda, Canadá, Estados Unidos, Polônia, Brasil, Noruega, Reino Unido, Espanha, Portugal, Egito, China, Índia, Coréia do Sul e Vietnã. Desde 2016 Korina vive em São Paulo e trabalha com a Cia. Corpos Nômades, sob a direção de João Andreazzi.

Mais Detalhes: korinakordova@gmail.com

 
Espaço Cênico O LUGAR
Cia. Corpos Nômades
Rua Augusta, 325
São Paulo – SP
tel. 011-32373224

Curso de Dança Contemporâneo 2º semestre de 2017

Curso de  Dança Contemporânea

(para pessoas com interesse em teatro e dança)
 (iniciante e intermediário)

Espaço Cênico O LUGAR

Sede da Cia. Corpos Nômades (São Paulo). Com João Andreazzi.
Início do curso do segundo Semestre acontecerá no dia 12/09/2017.
Terças das 20h às 22h15.
Rua Augusta, 325 (entre as Ruas: Marquês de Paranaguá e a Caio Prado, enfrente ao Parque Augusta – São Paulo).Número de Vagas: 20. Público alvo: Performer e estudantes de dança e teatro (iniciante e intermediário).
Importante: Confirme sua vaga encaminhando um e-mail para (ciacorposnomades@gmail.com), com o Assunto: Aulas 2017-2º semester/2017, incluindo seu nome e telefone. Em seguida receberá um e-mail, informando o procedimento necessário para a confirmação.
Professor João Andreazzi – das 20h às 22h15.
Andreazzi criou esta aula  a partir de experiências corporais vivenciadas desde os anos 80. A aula, fruto de um trabalho corporal que deu origem a uma linguagem de movimentos, foi elaborada em 1999, quando o coreógrafo retornou da Holanda, após dois anos de estudo na School for New Dance and Development. Esse trabalho que também deu origem à Cia. Corpos Nômades, e que carrega princípios da idéia do nomadismo na dança e no teatro, tem os seguintes preceitos: permitir a fluidez do corpo pelo espaço utilizando o próprio impulso, sem ficar preso em contagens, formas, marcas; deixar o corpo experimentar o espaço externo e interno através do movimento. No escopo do curso há uma ênfase no trabalho de chão (floor work) e na técnica de expansão das articulações partindo da fonte do movimento, respeitando os órgãos e os sistemas do corpo. Por meio desse método, Andreazzi tem propiciado uma sólida formação a muitos artistas em dança e teatro contemporâneos.
Início do curso do segundo Semestre acontecerá no dia 12/09/2017.
Terças das 20h às 22h15.
Rua Augusta, 325 (entre as Ruas: Marquês de Paranaguá e a Caio Prado, enfrente ao Parque Augusta – São Paulo).
Número de Vagas: 20
Público alvo: Intérpretes e estudantes de dança (iniciante e intermediário).
Valor mensal: R$280,00 (sem taxa de matrícula), para 04 aulas no mês. Caso desejar pagar por dois meses adiantado, terá um desconto de 7%. Aula/Experimental ou avulsa: R$80,00.
Este curso, a princípio acontecerá durante os meses de setembro e outubro de 2017.
Mais Informações: 05511.3237-3224 ou 992314457 (período das 14h às 20h).
 
LAB CRIAÇÃO CORPO UM LUG@R NÔMADE - 2015
João Andreazzi, inicia sua carreira como ator, performer, bailarino e coreógrafo na década de 1980. Em 1990, passa a pesquisar o corpo e a dedicar-se ao ensino da Dança. Coreografa nos anos 1990 os espetáculos “Película da Retina”, “Dark Lady”, “Aventurança”, “Yorick “ e “As Últimas Tentações de Santo Antão”. No período de 1996 a 1998, vive na Holanda, como bolsista do Ministério da Educação na School for New Dance and Development, em Amsterdã, onde cria três coreografias: “Under One’s Very Eyes”, “Password:003” e “Shoot in the Hood” para o Teatro Melkweg, sendo uma delas selecionada para o Nederlands Dans Dag de 1998. Ao regressar da Holanda, em 1999, desenvolve o projeto “Things – m@loc@/F@vel@ – as Coisas”, envolvendo a cultura do Hip-Hop, do samba e dos índios guaranis. Esse contato inicial resulta o projeto “corpos nômades”. Ao término do processo surge a Cia. Corpos Nômades com o espetáculo “OOZE/EZOO” (2000) que, inspirado em poemas de Samuel Beckett, funde a dança contemporânea com elementos de hip-hop e vídeo-arte. A partir de então, seu currículo funde-se ao currículo da Cia. Corpos Nômades, assinando todas as coreografias desde então. Como coreógrafo e bailarino, ganha diversos prêmios (APCA, indicação Mambembe, Flávio Rangel, Bolsa da CAPES, Bolsa Vitae para o American Dance Festival, etc.). Como professor de dança contemporânea (criação, improvisação e técnica) vem ensinando desde 1990, em diversos locais.
_FAZ7200-1-2 Foto: Fábio Zerbini

 

Inscrições abertas para o P- LUGAR 2017

P-LUGAR 2017   MÚSICA Experimental Acústica e Eletrônica

cartaz-PLugar

P-LUGAR 2017 – Atividades de Músicas Experimentais Eletrônicas ou Acústicas. Durante o mês de setembro de 2017 no Espaço Cênico O LUGAR (Sala Norte). A Cia. Corpos Nômades retomou o evento P-LUGAR, concebido em 2007, no ano de 2016. Acontecerão concertos de músicos, DJs, VJs, experimentadores(as) de música, sons e outros sentidos.

O espaço fornecerá equipamento de luz, som, divulgação, assessoria de imprensa, material gráfico e um técnico para acompanhar as montagens. Cada artista deverá ter o seu próprio operador de luz e som.

Os interessados deverão enviar um e-mail para ciacorposnomades@gmail.com, com o material (descrição de carreira, áudio e vídeo do trabalho). Assunto: P-LUGAR 2017. Inscrições até 28 de julho de 2017.

P.s:  Cada artista poderá deixar seu material à venda na bilheteria, como: cd, dvd, livro, camisetas,etc. Os artistas contarão com uma ajuda de custo de R$500,00.

II Mostra SÓ SOLOS – 2017

II MOSTRA DE DANÇA E TEATRO SÓ SOLOS – 2017

IIMostra

A Cia. Corpos Nômades irá compartilhar sua sede, o “Espaço Cênico O LUGAR”, com artistas experimentais do teatro, música e dança, através das ações: LUGARIZAÇÃO, SÓ SOLOS EM AGOSTO, P-LUGAR, MOSTRA LUGAR NÔMADE DE DANÇA e SESSÃO MEIA-NOITE OLHO NELES. O intuito destas atividades é o de possibilitar aos artistas experimentadores e, principalmente, aos artistas que não possuem nenhum tipo de apoio (edital ou patrocínio) e que não possuem espaço para ensaio e/ou difusão de seus espetáculos.

Importante mencionar que a Companhia Corpos Nômades conta com o suporte, para algumas ações, do Programa Municipal de Fomento à Dança de São Paulo e do Boticário na Dança.

Para cada uma destas ações será proposto um formato específico:

Será a segunda edição da Mostra Dança e Teatro SÓ SOLOS, direcionada aos criadores e performers da dança e do teatro que desejam mostrar seus espetáculos, inéditos ou não. Acontecerão duas programações, uma para cada final de semana. Serão apresentados cerca de três espetáculos por semana, durante as duas últimas semanas de agosto de 2017 (a data poderá ser alterada conforme as necessidades).

Os trabalhos poderão ter no máximo 50 minutos de duração. Os artistas convidados poderão ter alguns dias de ensaio durante o mês de agosto. A montagem ocorrerá na quinta-feira anterior à apresentação. O espaço fornecerá equipamento de luz, som, divulgação, material gráfico e um técnico para acompanhar as montagens. Cada artista deverá ter o seu próprio operador de luz e som.

As inscrições deverão ser feitas até o dia 23 de julho de 2017. Enviar proposta de pesquisa/criação de no máximo duas páginas, currículo e vídeos de trabalhos anteriores gravados em CD ou DVD ou os links dos vídeos em sites de compartilhamento como o Youtube ou Vimeo (priorizando o vídeo na integra do espetáculo proposto). Enviar o material pessoalmente ou pelo correio para o endereço: Espaço Cênico O LUGAR – Rua Augusta, 325 – São Paulo/SP – CEP 01305-000, ou para o e-mail: ciacorposnomades@gmail.com. Assunto: “Mostra de Dança e Teatro SÓ SOLOS – 2017”. Mais informações pelo telefone (11)3237-3224 e no site: www.ciacorposnomades.art.br

Para as ações que envolvam apresentações serão cobrados ingressos de R$20,00 (inteira) e R$10,00 (meia) e 75% do valor total da bilheteria será dividido entre os artistas envolvidos. Cada artista poderá deixar seu material à venda na bilheteria, como: cd, dvd, livro, camisetas,etc. Os artistas contarão com uma ajuda de custo de R$ 500,00.